>

A Câmara Municipal de Mococa aprovou o Projeto de Lei de autoria da vereadora Elisângela Maziero (PSD) que aumenta para 20 dias a licença paternidade aos funcionários públicos do Poder Legislativo. A mesma proposta também foi encaminhada ao prefeito municipal para que elabore Projeto de Lei semelhante, concedendo aos funcionários da Prefeitura o mesmo benefício.

Segundo a autoria do projeto, aumentar o tempo da licença paternidade proporciona uma maior participação e integração dos pais nos primeiros dias de vida dos filhos. “Enquanto vereadora e presidente da Câmara, podemos ampliar o benefício apenas aos funcionários do Poder Legislativo. Sabemos dos inúmeros benefícios que essa lei traria também aos servidores da Prefeitura. Por isso, esperamos a sensibilidade do Poder Executivo em encaminhar medida semelhante para aprovação”, destacou Elisângela Maziero.

O benefício da licença paternidade estendida também será concedido em casos de adoção. Neste ano, o Ministério da Saúde lançou uma campanha nacional para incentivar empresas a adotarem o prazo maior de licença paternidade.